quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Leia...minhas palavras...na noite...da Lua Negra!!!






Leia...minhas palavras...na noite...
da Lua Negra!!!

No meu mundo feito de sombras...
apareceu aquele brilho de luz e gostei...
Vivendo mergulhada em palavras obscuras...
ouvi a voz do gostar dizendo assim...
Leia... minhas palavras... na noite... da Lua Negra...
e tudo será diferente...
Venha ao meu encontro...
e nos desencontros da vida te encontrarei...
Como um poeta... te darei palavras...
iluminando com brilho das estrelas o teu escuro céu...
Como um sol... te darei o calor do meu verão...
e aquecerei o teu inverno solitário...
Como uma brisa... te ouvirei nas tuas ansiedades...
acalmando os teus ventos tempestades...
Como um abraço de laço...
te farei um desejado presente com fitas prateadas...
Como um lápis de cor... escreverei nos teus sonhos...
os versos de palavras que desejas...
Roube minhas palavras... e as guarde dentro de ti...
E sempre que a saudade se antecipar...
me leia na noite da Lua Negra...
Irei te tirar das sombras soturnas...
e serei o teu mundo de luz...
Tocarei para ti a melodia que gostas...
e dançaremos a dança mágica da vida...
Venha...
pois se não vier... certamente eu irei...
É... pode ser que sim... ou pode ser que não...
Só desejo que sintas algo diferente...
quando no momento silêncio... pensar em mim... assim assim...
Não sei precisar quando... nem como...
só sei que gosto de ser... as invenções que crio de mim...
Pois só assim... sempre terei algo só meu...
E mesmo que... tudo pareça tão irreal às vezes...
Sinto que... Te Gosto!!!
Como um poema mistério...
me fazendo sentir vibrações diferentes em meu existir...
Como aquelas palavras...
que desejo tanto para escrever um poema todo meu...
Como aquele céu negro...
que reflete um tapete de estrelas brilhando só para mim...
Quando entras nos meus sonhos noturnos...
me deixando... assim assim...
Quando com tuas palavras intimistas...
me fazes voar no céu dos pirilampos...
Como um gravetinho das florestas perfumadas...
perdido nas trilhas dos sonhos de labirintos...
Como aquela dor que mesmo doendo...
vai sempre deixar saudades...
Como o choro que rir...
desejando banhos de lágrimas cristalinas...
Quando me embalas ao som da tua voz...
me fazendo um dengo sem fim...
Nas palavras que...
formam frases de carinhos expressos em letras grafadas...
Na ternura que transparece quando tu falas...
[Você é minha bruxinha...]
Quando só de pensar em ti...
o coração faz... [tum tum tum...] rsrs
Quando usas cores variadas...
colocando o colorido na cor negra da minha vida...
Quando deixas transparecer...
que sou uma cor preferida na tua caixa de tintas...
Quando me sinto aquele quadro inacabado...
que sempre encontrarás motivo para pintar...
Quando te sinto...
como uma saudade sempre presente...
querendo ficar... ou partir... sei lá...

[... e nunca fique triste... tudo vai dar certo...
apenas pegue minha mão... e segure forte...
te protegerei... estarei sempre aqui...
e estarás sempre em meu coração!!!]-Tina

Fotomontagem - Tina2011... Imagem by Google

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

... 2012 inspirador!!!

... 2012 inspirador!!!

[ É o Natal no coração...
que faz acontecer o verdadeiro Natal!!! ] 

Foto e Edição - Tina - 18.12.2011/16.20hs...

Mirante no Rio Guaxuma/AL

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Nas palavras que escrevo!!!

Nas palavras que escrevo!!!

[... e assim... serei a arte nas palavras...
que sonham em ser poesia... assim!!!]
Tina 
Fotomontagem - Tina2011... Imagem by Google...
 
http://www.recantodasletras.com.br/poesiasdeamor/3391743

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Noite de Lua Dourada!!!

Noite de Lua Dourada!!!

Noite de vida cigana com perfumes de banho de cheiro...
Noite de melodia suave com sons de murmúrios vindo do mar...
Noite de lua dourada que cativa com um brilho feiticeiro...
Noite de sorrisos que choram nos silêncios inspiradores...
Noite de alegrias que não sentem saudades das tristezas...
Noite de maresia que se evapora com o vento que vem de lá...
Noite de encantamento das magias esperando a hora fatal...
Noite de calmaria cheia de emoções que fazem sonhar...
Noite de trilhas nas sombras aonde as angústias vão se perder...
Noite de caminhos mistérios guardando segredos de amor...
Noite de silêncio na alma a espera de um novo amanhecer...

Foto e Edição - Tina/11/12/2011- 18.15hs...

Será só uma Lua Dourada?

sábado, 10 de dezembro de 2011

Pedaços de um sonho!!!

Pedaços de um sonho!!!

No silêncio que se faz... o vazio da noite me abraça...
Uma lua pela metade... me olha com curiosidade e inveja...
Uma brisa sonolenta... entra pela janela semi-aberta...
Toca de leve... meu pálido rosto de ansiedade...
Enquanto encolhida na cama... espero o começo do fim...
Penso no paraíso... que me espera no imenso negro céu...
Gosto de me imaginar deitada numa nuvem... a contar estrelas...
Com um laço de fitas coloridas... amarrando os cabelos perfumados com o cheiro teu...
O coração em descompasso... aguarda ansioso...
pela rosa vermelha... de certo jardim...
O branco das vestes... que cobrem o corpo seminu...
iluminado com o brilho da lua... reluz...
deixando transparecer... as vontades dos desejos...
Tento tocar com os dedos... a estrela que mora nos pensamentos...
Mas... uma nuvem teimosa a faz se esconder...
E nesse instante... ouvindo a melodia daquela voz...
Que... como um vento apaixonado quebra o silêncio noturno...
Rugindo... acorda uma tempestade de gritos fantasmas...
O sangue percorre... as trilhas do corpo em plena loucura...
Traduzindo... o encanto do encontro que se faz...
Uma música suave... toca na floresta dos sonhos...
O som do coração acelera... saindo da calmaria...
E a bruxinha como uma magia... cria asas e começa a voar...

Fotomontagem - Tina2011... Imagens by Google...

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

A Flor Vermelha!!!



A Flor Vermelha!!!

A noite adormeceu esperando a luz na negra escuridão...
Choveu uma chuva dengosa de pingos salgados...
O silêncio se fez dono do instante tão desejado...
E na noite fria de pedaços negros se escutou um som silencioso...
Um sino ao longe tocou a música do desespero no dia da partida...
Pensamentos soturnos se entrelaçam na mente ansiosa...
A saudade das palavras se antecipou a dor do coração ferido...
Sorrisos de risos tristes se embalaram em uma música sonolenta...
Vagas recordações dançaram ao ritmo de um bolero fatal...
E as vontades se aceleraram entre o viver e o morrer...
Mas... o sol irá nascer ao canto do pássaro que entoa a canção da paz...
E a Flor Vermelha brotará no canteiro secreto do jardim da espera...

Fotomontagem - Tina2011 - Imagem by Google...

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Versos de Bruxa!!!




Versos de Bruxa!!!



versos quebrados...
escritos por uma coisinha atrapalhada...
que às vezes se acha no seu desatrapalho...
versos endereçados...
para amolecer duros sentimentos...
que às vezes não escutam o grito no seu eco...
versos tímidos...
de uma mente que se apaixonou pela vida...
que às vezes ficam apenas guardados nos pensamentos...
versos carinhos...
vivendo dentro de um bobo coração...
que às vezes toca o ritmo sozinho...
versos descoloridos...
de uma escrita com lápis sem cor...
que às vezes só deseja tintas para se colorir...
versos perfumados...
com aroma de uma certa flor...
que às vezes ganha aromas de imensos jardins...
versos promessas...
de sonhos de pura felicidade...
que às vezes se perdem nas trilhas por aí...
versos rabiscados...
em um caderno de capa lilás...
que às vezes são só borrões em uma folha qualquer...
versos mágicos...
de uma atrapalhada aprendiz...
que fazendo suas alquimias só deseja ser feliz...
versos negros...
nas palavras de uma bruxa sonhadora...
que nas enluaradas noites se alimenta de doces palavras...
para fazer suas magias...
todas... sei lá... esquece... rs...

Fotomontagem - Tina2011... Imagem by Google
http://www.recantodasletras.com.br/pensamentos/3374668

terça-feira, 22 de novembro de 2011

... beber tuas palavras numa taça invisível!!!

... beber tuas palavras numa taça invisível!!!

[... e numa noite de escuridão e de saudades...
quando o corpo sofria o frio da dor na espera...
uma voz se fez ouvir na imensidão do silêncio...
uma onda de calor se espalhou explodindo a bolha da solidão...
a noite rompeu a madrugada de palavras mistérios...
envolvida por sons melodiosos de prazer...
e a multiplicação de antes...se concretizou em um único ser...]
Tina

Te prepara... hoje à noite... eu vou...
te visitar em teus sonhos...
para te falar de vontades guardadas em mim...
te esperar em meus sonhos...
para me embriagar de luares nas tolas noites de espera...
te abraçar em teus sonhos...
para ser o fogo da tua fogueira...
e te esquentar no tempo frio que te faz tremer...
te fazer carinhos em meus sonhos...
para te sentir aqui juntinho a mim...
te beijar em teus sonhos...
para... beber tuas palavras numa taça invisível...
Te prepara... hoje à noite... eu vou...
te visitar em teus sonhos...
para te contar certos segredos da misteriosa lua...
te falar baixinho sobre os desejos do sol ao se pôr...
lá nos horizontes do universo...
rir bastante contigo... para inebriados de prazer...
trocarmos palavras cifradas de desejos...
te dar asas de brilhos...
para voarmos até o céu das estrelas preguiçosas...
e preguiçarmos também...
Te prepara... hoje à noite... eu vou...
já na quase madrugada... habitar em teus sonhos...
ficar te olhando demoradamente... com o olhar do gostar...
te fazer carinhos...
viajando em sonhos teus dentro de sonhos meus...
te beijar... assim assim...
só para ter um sorriso todo teu... só para mim...
te embalar nos teus sonhos...
cantarolando ao som do meu coração...

Fotomontagem - Tina2011... Imagem by Google...

sábado, 12 de novembro de 2011

Doe vida!!!

Doe vida!!!

Doe vida... Doe órgãos...
O nascimento é a celebração maior da vida...
Quando uma nova pessoa surge... traz felicidade para todos que a esperam...
Mas... existe outro momento... que enche de alegria os corações de muitos... * é o nascer de novo...
A oportunidade de recomeçar a vida... quando as esperanças já são poucas... é o maior presente que alguém pode receber...
E existem pessoas... que precisam muito deste presente...
Por isso... o Ministério da Saúde... está investindo na conscientização a respeito da...
Doação de Órgãos...
Sua participação... é fundamental...

Seus órgãos... tecidos... medula óssea... e sangue podem salvar vidas...
Avise a sua família... que você quer ser doador...
No Brasil... a doação só acontece... com o consentimento dos familiares...
Se você tem um doador na família... respeite a vontade dele...


* Pesquisa - Texto e Link realizada na Internet- Google
Fotomontagem - Tina2011...

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Voa... Liberdade!!!...

Voa...Liberdade!!!


[Música do Compositor e Cantor - Jessé Florentino Santos...
que nasceu em Niterói-RJ – 25.04.1952...
foi criado em Brasília... e mudou-se para São Paulo já adulto...
onde atuou como crooner em boates...
Integrou os grupos... Corrente de Força e Placa Luminosa...
animando bailes por todo o Brasil...
Ainda nos anos 70... chegou a gravar em inglês com o pseudônimo de Tony Stevens...
Só foi revelado ao grande público em 1980... no Festival MPB Shell da Rede Globo com a música "Porto Solidão" (Zeca Bahia/ Ginko)... seu maior sucesso... e com o qual ganhou o prêmio de melhor intérprete...
Em 1983... ganhou o XII Festival da Canção da Televisão Ibero-Americana... realizado em Washington... com os prêmios de melhor intérprete... melhor canção e melhor arranjo para "Estrelas de Papel"... música dele e de Elifas Andreato...
De voz muito potente... no decorrer de sua carreira gravou 12 discos... como os álbuns duplos "O Sorriso ao Pé da Escada" e "Sobre Todas as Coisas"... mas nunca conseguiu o reconhecimento da crítica especializada...
Morreu aos 40 anos... em 29.03.1993 de traumatismo craniano sofrido num acidente de carro em Ourinhos... quando se dirigia para a cidade de Terra Rica/Paraná... para fazer um show...]

*Maiores informações no site dedicado ao cantor...*


Fotomontagem - Tina2011

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Dentro da noite!!!

Dentro da noite!!!

Fotomontagem - Tina2011... Imagem by Google...

http://www.recantodasletras.com.br/poesiasdeamor/3316695

Comentário!!!

Comentário!!!

[... conseguir domar palavras inquietas...
e poetizar sentimentos...
sem banalizar com rimas o eixo central do tema...
deixando transparecer...
toda a magia da espiritualidade...
que existe aí dentro de ti...]
Tina

Gosto de palavras... gosto de palavras de todo jeito...
Palavras me fazem mergulhar... em águas cristalinas de rios...
não importando se tem ou não corredeiras...
mas que me dão à certeza que um dia se chega ao mar...
Palavras me fazem viajar a lugares...
onde minha imaginação fértil deseja levar...
Palavras me fazem sonhar...
em ser o que sempre desejei ser... sem medo de arriscar...
Palavras me fazem pensar... que as pessoas só usam...
o que tem de melhor dentro de si...
Palavras me fazem enxergar... uma luz muito brilhante...
onde é só escuridão...
Palavras me ajudam a caminhar descalça...
sem a preocupação de ferir os pés...
Palavras me dizem que os outros... não são só os outros...
mas que também fazem parte de mim...
Palavras me aproximam do MESTRE... quando me aquieto...
e as escuto murmurando dentro de mim...
Rsrs... é engraçado... mas ao mesmo tempo muito sério...
Na nossa vida tem palavras... e palavras...
Tem aquelas que...
são puro brilho de luz...
prendem com laços de fitas coloridas...
acariciam quando são sussurradas baixinho...
machucam ao serem jogadas ao vento...
fazem chorar de dor e tristeza...
fazem rir timidamente o olhar...
levam a se contorcer de tanto gargalhar...
se escondem nas entrelinhas querendo dizer tudo...
às vezes sacanas fazem corar em momentos assim...
quando parecem ser... apenas palavras sem som...
e se ouve nitidamente no batuque do coração...
fazendo sentimentos gritarem à flor da pele...
Tem palavras de todo jeito... para todos os gostos...
Sempre palavras de letras...
ditas... escritas... pensadas... cantadas...
roubadas em trilhas por aí... sei lá... rs

**** ********



Edição e foto - Tina2011... Palavras Roubadas de Ti...

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Eu... às vezes escrevo...

Eu... às vezes escrevo...

Eu... às vezes escrevo...
Por pura teimosia de achar... que sei silenciosamente fazê-lo...
Para assustar essa sombra noturna... que teima em me acompanhar nas madrugadas...
Para afugentar esse lado medroso... que me assombra nas decisões de ser livre...

Eu... às vezes escrevo...
Para falar de sentimentos guardados... que inquietos se agigantam dentro de mim...
Para acalmar essa ansiedade... que me faz por vezes ser tão atrapalhada...
Para tentar ouvir no silêncio da palavra escrita... o que desejo ser... ou o que verdadeiramente sou...

Eu... às vezes escrevo...
Na esperança de que minhas palavras toquem... uma melodia de amor e paz nos corações...
Acreditando que minhas palavras doces...
[ou abestalhadas como alguns dizem]...
possam adoçar o sabor amargo das tristezas...
que afloram nos corações desiludidos...
Pensando ser uma [poetisa] que acha que faz [poemas]... e que espalha pelo mundo afora... pedaçinhos de felicidade...

Eu... às vezes escrevo...
Como se fosse um pássaro... que canta nas madrugadas à espera do nascer do sol... para realizar o vôo do prazer...
Como se fosse uma flor em botão... que se banha no orvalho das manhãs... desejando desabrochar e enfeitar um jardim...
Como se fosse uma melodia nostálgica a espera do som do coração... para espalhar aos quatros ventos a canção da vida...

Eu... às vezes escrevo...
Como uma bruxinha atrapalhada... que deseja ter poderes de voar e sair fazendo o bem por aí...
Como uma criatura um pouco louca em busca de pouca razão...
para viajar em um mundo de emoções fantasias da imaginação...
Por ser uma pessoa metida... curiosa... e ansiosa...
que apesar de tudo isso ainda acredita... que tem alguns privilégios...
de ser assim... e ainda está aqui... assim...

Fotomontagem - Tina2011... Imagem by Google...

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Sombras!!!

Sombras!!!

Sombras...
que me abraçam nas horas silenciosas da fria madrugada...
que surgem de um lugar mistério que existe na minha imaginação...
que vivem no mundo sem a luz do sol e sem o brilho das estrelas...
Sombras...
que se transformam em desejos nas noites de lua cheia...
que acordam sonolentas em meio às escuridões do “Eu”...
que saem da obscuridade de uma vida cheia de medos...
Sombras...
que gargalham rindo das lágrimas que teimam em cair...
que buscam energias em um lugar sem vida e sem morte...
que vivem e morrem no mundo enigmático da solidão...
Sombras...
que se entregam as danças mágicas dos ventos noturnos...
que se escondem nos becos sombrios da tristeza...
que fingem adormecer nas noites solitárias para não sofrer...

Fotomontagem - Tina2011 - Imagem by Google...

Assim... escrevi hoje!!!

Assim... escrevi hoje!!!

Em uma das páginas... do meu caderno de capa lilás...
escrevi hoje... que no momento só desejo...
ter um pouco mais de tempo aqui... para...
perfumar com meu cheiro... a flor preferida do teu jardim...
contemplar na hora secreta... o amor do sol com a lua...
viver as emoções felizes da vida... dentro dos sonhos sonhados...
correr livre e descalça... pelos caminhos das florestas encantadas...
ouvir... o toque mágico dos sinos no entardecer...
matar a sede em mim... bebendo a água cristalina...
das lágrimas sorrisos dos teus olhos...
roubar silenciosamente... novas palavras poetizadas...
nas tuas trilhas secretas...
adormecer...
com os sons suaves da melodia dos teus sorrisos...
e... voar na hora marcada...
rumo à eternidade... sem ter medo de partir...
Fotomontagem - Tina2011 - Imagem by Google...

http://www.recantodasletras.com.br/poesias/3288484

sábado, 8 de outubro de 2011

... nas trilhas de... Clarice Lispector!!!

... nas trilhas de... Clarice Lispector!!!

No jardim da vida... a chuva amiga que caí...
faz florescer as flores...
da tolerância e do respeito as diferenças...
Assim é a filosofia do Amor...
((( TINA )))

*"Renda-se... como eu me rendi...
Mergulhe no que você não conhece... como eu mergulhei...
Não se preocupe em entender...
viver ultrapassa qualquer entendimento..."
*"Até cortar os próprios defeitos... pode ser perigoso...
Nunca se sabe... qual é o defeito...
que sustenta nosso edifício inteiro..."

*"Minha força está na solidão...
Não tenho medo...
nem de chuvas tempestivas...
nem de grandes ventanias soltas...
pois eu também sou... o escuro da noite..."

*"Sou como você me vê...
Posso ser... leve como uma brisa...
ou forte como uma ventania...
Depende de quando e como... você me vê passar..."

*"Suponho que me entender...
não é uma questão de inteligência...
e sim de sentir... de entrar em contato...
Ou toca... ou não toca..."

*"Ela acreditava em anjo e...
porque acreditava... eles existiam..."

*"Com todo perdão da palavra...
eu sou um mistério para mim..."

*"O que verdadeiramente somos...
é aquilo que o impossível... cria em nós..."

*"Amar os outros...
é a única salvação individual que conheço...
ninguém estará perdido se der amor...
e às vezes receber amor em troca..."

*"Minhas desequilibradas palavras... são o luxo do meu silêncio ..."

*"Eu escrevo... sem esperança de que o que eu escrevo...
altere qualquer coisa...
Não altera em nada...
Porque... no fundo a gente não está querendo alterar as coisas...
A gente está querendo...
desabrochar de um modo ou de outro..."

*"E se me achar esquisita... respeite também...
até eu fui obrigada a me respeitar..."
* * * * *

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Aquelas palavras!!!

Aquelas palavras!!!

Aquelas palavras...
             pousadas em um papel de pano...
             recheado com as letras inquietas de um poeta da vida...
             que ganham alma nos esconderijos das sombras...
             silenciando nos silêncios das madrugadas insones...
                                         e explodindo na cor laranja dos amanhãs...
Aquelas palavras...
             escritas com letras de intensos sonhos...
             bebendo lágrimas em taças de olhos febris...
             provocando risos tímidos no canto da boca...
            iluminando o rosto triste com um sorriso...
           e causando vertigens dentro do peito...
Aquelas palavras...
             roubadas no secreto do mistério...
             passeiam em trilhas com rios de águas mornas...
            em folhas rabiscadas por um lápis que muda de cor...
            embriagadas com a música ritmada que ecoa no ar...
            quando voam nas asas de um anjo invisível...
Aquelas palavras...
             cheias de segredos dentro de um mistério...
             se sentem envolvidas na nevoa escura de uma saudade...
            saudade que habita dentro de um coração ternura...
            quando são escritas na transparência da luz...
            e pintadas nas telas dos insanos desejos...
           E aquelas palavras...
                           muitas palavras... de versos teus...
                                       serão sempre lembradas...
                                                              mesmo quando...
                                      um dia tudo tiver que escurecer...
                                                                   e silenciar para sempre...
                                                                                      *****
                           
                     Sonhar... e dançar com a alma extasiada...
                             ouvindo a melodia sedutora das palavras...
                                              nos poemas da vida...^^12                                  

 Fotomontagem - Tina2011... rsrs...
http://www.recantodasletras.com.br/poesiasdeamor/3262610

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Entardecer!!!

Entardecer!!!

Foto e edição - Tina/setembro2011... De uma janela qualquer!

Destruição!!!

Destruição!!!

A escuridão me persegue... como nunca vi antes...
Sinto... a presença de todo o mal ao meu redor...
Vejo almas vagando... pela vasta e densa neblina do rancor...
Discriminada por ser diferente...
Indignada com suas presenças...
Sinto que o mundo já está sem salvação...
Que tudo está se resumindo a destruição...
E que o poder toma conta das mentes...
levando-as a momentos insanos...
Mentes... que às vezes...
se sentindo ameaçadas consigo mesmas...
ficam cegas e agem sem nenhum motivo ou razão...
desejando dominar tudo a sua volta...
esquecendo o que se chama compaixão...
Sentem que...
não podem deixar outros existirem em seu lugar...
e destroem o que era para ser o perdão...
Julgam... quem nem conhecem...
e pensam que podem sempre...
acabar com tudo só por pura diversão...
A sede de ter o prazer do poder e dominar tudo...
leva todos à loucura...
que desrespeitam a si mesmos...
fazendo com que se matem aos poucos...
E por fim... quando tudo se acaba...
vêem o que fizeram...
mas... não admitem o próprio erro...
e aí se fazem de bobos...
deixam... que o rancor consuma seus espíritos...
enchem-se de ódio...
e continuam vagando pela escuridão...
onde seguem choramingando e falando...
que não fizeram nada...
só sonhando em merecer o perdão...
********

*** Interação de palavras com...
' Lord Kael Von Farbtönem '

Fotomontagem - Tina2011... Imagem by Google

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Ventos inquietos!!!

Ventos inquietos!!!

Quero dormir assim...
                       na esperança de sonhar contigo...
                               também assim comigo...
           e deixar que o tempo passe lentamente...
Nos meus sonhos...
                tenho medo de que o tempo se eternize...
                               e eu não tenha muito tempo aqui...
E será que o tempo... é só uma questão de tempo?
Não sei...
Melhor nesse tempo dos sonhos...
                      me contentar com esse jeitinho silencioso de ser...
                                                e ir vivendo assim...
Mas... se tivesse como escolher...
                                     preferia ser...
          como um barulho infernal de ventos inquietos...
                                 e gritar ao mundo...
                                             que te quero muito aqui...
                                             ouvir sempre a tua voz...
                                            te sentir juntinho...
                                            imaginar teus lábios abrindo um sorriso...
                                                           como se fosse só para mim...
                                           escutar o ruído de um beijo estalado...
                                          e perceber na tua fala...
                                                            um pedaçinho de mim...
 
Fotomontagem- Tina2011... Imagem by Google...
http://www.recantodasletras.com.br/poesiasdeamor/3247300

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Vida vazia!!!

Vida vazia!!!

Há dias...
            que sentimos vontade de ser o que não somos...
               como se o mundo tivesse desabado sobre nós...
                  ou tivéssemos caído sobre a obscuridade dele......
Há dias...
            que vemos destruídos os sonhos sonhados...
               como se os momentos vividos nunca existissem...
                  ou as sombras fossem só sombras e nada mais...
Há dias...
            que o melhor seria não pensar...
               para deixar de perceber o vazio da existência...
                  uma existência sem vida... sem dias... sem ser...
Há dias...
            que morremos por dentro...
               o nosso espírito parece ter saído de nós...
                  e perambula por aí... vivendo um vazio também...
Há dias...
            que a vida... morre na vida...
               a morte... vive na morte...
                  e eu não sei... se vivo ou se morro...
Há dias...
            que entristece compreender...
               que a  luz da vida está sem brilho...
                  vida sem existência... sem mim... sem ninguém...
Há dias...
            que o tempo... só é o tempo e nada mais...

Fotomontagem - Tina2011... Imagem by Google...
http://www.recantodasletras.com.br/poesias/3246057

terça-feira, 27 de setembro de 2011

Você é humana???

Você é humana???

Sou diferente... já percebi isso...
O que não me torna nem melhor... nem pior que os outros...
Sou o que sou... e procuro respeitar a maneira de cada um ser...
Gosto de poder conversar com pessoas... que também tem os mesmos desejos que eu...
E que por incrível que pareça... percebo e me faço perceber...
o como é importante... compartilhar sentimentos...
É fantástico poder encontrar pessoas... neste mundo virtual...
privar de bons momentos...
e ter a sensação... de já se conhecer há um tempão...
Gosto de acreditar...
No poder mágico das palavras...
Nos sons calmantes das melodias...
Nos sorrisos libertos das gargalhadas...
Nos olhares imaginários das mentes felizes...
No respeito mútuo entre pessoas...
Acredito...
Que na vida basta um simples "oi"...
Um riso de sorriso sincero...
Uma presença sentida no coração...
Uma amizade sem cobranças...
Um mundo mágico nos levando a voar nos sonhos sonhados...
Um desejo sincero de cultivar bons sentimentos...
Para a realização de momentos felizes...
Sinto...
Que apesar dos " buracos negros" que já vivenciei... muita coisa mudou em mim...
Que é preciso navegar em calmaria... mesmo em mar revolto...
para aprender a ser uma pessoa melhor...
E que... por muito melhor que me sinta...
sei que sempre haverá tempestades... mas que estas também passarão...

*** “Volto a dizer...
                      ainda custo a acreditar que você seja humana.” ^^12

Viver!!!

Viver!!!

Foto e edição - Tina2011... Um olhar diferente...

http://www.recantodasletras.com.br/poesiasdealegria/3243264

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Palavras... que se atraem!!!






Palavras... que se atraem!!!


Parei,,,,,,,,,,,,,,, na beira da estrada,,,,,
dos meus desejos de ser assim... nos desejos teus...
cercada pelos seus dois lados por trigos atapetados,,,,,,
exalando um perfume penetrante...
que me faz voar rumo ao infinito do delírio...
iam até onde o olhar permitia,,,,
iluminando com suas esmeraldas de luz...
a alma que vivia nas sombras...
iam levando recados meus ao mundo que ainda não via,,,,
como um vento de brisa que beija devagar...
e deixa vontades de novamente beijar muito...
nas bocas que só querem alquimias de beijos profundos...
Silêncio,,,,,,
e a voz se faz presente... nas sensações dos corpos adormecidos...
que surgem das sombras... e desejam a luz da vida no prazer...
Fim de tarde,,,,,
o encontro acontece... numa aparente calma de desejos dengosos...
sempre com pedidos... muitos... querendo tudo...
os ventos,,,,,,,,,,,,,,,,
formando ventanias de prazer...
ainda pequenos,,,,,
mas intensos por dentro... aqui e ali...
e poucos,,,,
e muitos... querendo tudo...
muitos pedaçinhos... de um todo... de um tudo...
sobre o verde quieto,,,,,
que muda quando o delírio assume os ventos tempestades nos sentidos...
estou perdido sobre os caminhos,,,,,
irei ao encontro passeando nas trilhas das vontades...
meus desejos parecem loucos,,,,
quando desce a noite...
as duas estrelas se tocam... explodindo como meteoros...
nos bailados dos céus invisíveis...
reluzindo sobre o brilho de uma lua mistério...
* * * * * * * * *
*Tentativa de interação com palavras de versos do
Escritor e Poeta - Silroad Saxman/2011

Foto e edição - Tina2011 - Olhares..

http://www.recantodasletras.com.br/poesiasdealegria/3228100


quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Você... nos meus desejos...

Você... nos meus desejos...

Foto e edição - Tina/setembro2011... Numa noite aí!!! 

http://www.recantodasletras.com.br/poesiasdealegria/3220508

Sei lá!!!

Sei lá!!!

Você sabe o quanto um ser tem de loucura?...
Sei lá!...
Acho que todos temos um pouquinho...
que se esconde dentro da nossa essência...
Pois... tem momentos que o coração dói...
mas... dói tanto... quando os desejos estão reprimidos...
que parece até que some do peito...
e vai bater em outro lugar...
E às vezes...
só o coração com suas emoções... manda em nossa vida...
nessas horas tudo explode...
o silêncio só quer barulho...
o barulho só quer silenciar...
palavras se jogam das bocas...
e as bocas só desejam beijar...
suspiros rasgam o coração...
e o coração só quer sonhar...

E você sabe qual a cor desse sonho?...
Sei lá!...
depende de como se sonha...
com quem se sonha...
ou... quando sonhar...

Fotomontagem - Tina2011... Imagem by Google
http://www.recantodasletras.com.br/prosapoetica/3220529

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Quem sabe na primavera!!!

Quem sabe na primavera!!!

Setembro vem por aí...
                         o inverno de frio intenso...
já está arrumando as malas...
as chuvas fortes choram suas últimas lágrimas...
                                                 os corpos febris de desejos...
                   estão em tempo de espera...
precisam agora só ter calma...
                                para o encontro mágico...
nos jardins das flores encantadas...
                                    deixando de ser gravetinhos...
que queimam nas distâncias...
e aí...
subir as montanhas...
                          passear em todas estações...
ver o sol nascer e se pôr lá nos horizontes do mar...
                                              invadir as noites enluaradas...
navegar em todos os mares...
                                      cantar juntos as melodias dos ventos...
dançar ao som de um sax sedutor...
                                       beber todos os vinhos...
das vinhas de uvas suculentas...
                         em taças de cristais de magia...
e...
quem sabe na primavera...
                                     fazer o mundo silenciar para ouvir...
os risos das estrelas explosivas...

Palavras mágicas...







Palavras mágicas...

Quem me dera ter o poder...
                                    de te prender para sempre em mim...
Ser a magia das palavras...
                             daquele teu livro de poemas de amor...
Ser como as flores dos jardins...
                perfumando as noites dos delírios...
Ser os sons melodiosos e intimistas...
                                        na música dos corações apaixonados...
Ser os últimos pingos...
de uma chuva feiticeira na madrugada fria...
Ser o sorriso mais belo...
                        que sai da boca dos desejos...
Ser aquela saudade antecipada...
                     na paisagem melancólica do silêncio...
Ser a última rima da poesia inacabada...
                                       na floresta das tuas palavras mágicas...
Ser o silêncio que acalma...
                                                     enquanto espera a cura da dor...

Fotomontagem - Tina2011 - Imagem by Google...